Página vermelha


Página vermelha
Este publicação é talvez um dos últimos bastiões de pensamento maoista em Portugal. Uma relíquia politica, que nos dá uma leitura esquerdista da nossa sociedade e que é por isso também sinonimo de liberdade.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *