Justiça pervertida
Os membros desta organização andam em chat rooms e passam por crianças, tentando apanhar potenciais pedófilos, que posteriormente denunciam à polícia. Conseguiram até que vários indivíduos fossem condenados. Se bem que as suas intenções e objectivos sejam mais do que honrados, o facto de cidadãos privados se tornarem em informadores a tempo inteiro é preocupante e reminiscente de métodos pidescos.



Etiquetas:




Deixe um comentário

Nome (obrigatório)

email (não será publicado) (obrigatório)

Website

Comentário